COMITÊ
E CRITÉRIOS
DE SELEÇÃO

Quando você envia um projeto de incentivo fiscal, ele chega ao nosso comitê multidisciplinar, que é formado por representantes da Algar Holding, Instituto Algar e Algar Telecom.

Essa equipe avalia os projetos, que devem seguir os critérios aceitos pelo Grupo Algar e pelas leis de incentivo, para assim definir quais serão aportados.

critérios gerais

Para que sejam apoiados pelo Grupo Algar, os projetos que utilizam incentivos fiscais devem, além de seguir os requisitos legais a eles aplicados, atender os seguintes critérios:

Estar aprovado pelo órgão avaliador pertinente à Lei que se destina (Ministério Cultura ou Esporte, Secretarias de Cultura ou Esportes, etc);

Ter a visão de contribuir com o desenvolvimento das comunidades onde o grupo Algar está inserido, possibilitando a ampliação do universo de ações que beneficiem a população local, sejam elas de natureza cultural, esportiva ou social;

Necessariamente devem se destinar a cidades de atuação do Grupo Algar

Hoje, o grupo Algar é uma das empresas signatárias do Pacto pelo Esporte. Esse é um movimento que visa contribuir para a construção de um ambiente íntegro entre empresas e entidades esportivas, por meio da governança, integridade e transparência do setor.
Os projetos homologados a partir de julho de 2018 com proponentes pessoa jurídica, deverão estar habilitados com certificado digital para assinatura digital de contratos. Esse critério passará a valer para os projetos com proponentes pessoa física em janeiro de 2019.

Não serão patrocinados projetos que:

– Façam referência ao consumo de bebidas alcoólicas, cigarro ou drogas;

– Ligadas à pornografia;

– Cujos proponente(s) tenham histórico de ter lesado clientes ou condenados pela justiça por crime de corrupção;

– Desrespeitem o meio ambiente;

– Infrinja qualquer lei ou norma jurídica vigente;

– Sejam de natureza discriminatória, de raça, credo, orientação sexual ou qualquer tipo de preconceito;

– Cujos proponentes não possuam idoneidade fiscal e creditícia;

– Os quais os proponentes, organizadores e/ou promotores explorem trabalho infantil, degradante ou escravo;

– Violem direitos de terceiros e os de propriedade intelectual;

– Tenham caráter político-partidário ou religioso, exceto manifestações populares reconhecidamente tradicionais;

– Forem propostos por organizações sindicais;

– Caracterizem promoção pessoal de autoridades ou servidores públicos, seja pela utilização de nomes, símbolos ou imagens que os identifique.

AS LEIS TRABALHADAS NOS NOSSOS PROJETOS INCENTIVADOS

O grupo Algar utiliza os incentivos fiscais das esferas Municipal, Estadual e Federal.
Veja quais leis são aceitas em cada vertente:

clique e inscreva seu projeto